Rede elétrica

Acesso à rede de distribuição

Para fazer chegar a energia dos centros produtores até aos clientes, concedemos aos comercializadores o acesso à rede de distribuição.

Por imposição regulamentar a EDP Distribuição agora é E-REDES.

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) determinou a separação de imagem entre operadores do mesmo grupo económico no âmbito do setor elétrico, nomeadamente do Operador de Rede de Distribuição, em linha com as indicações da Comissão Europeia. Nessa medida, todas as referências e/ou imagens relativas à EDP Distribuição, a partir da presente data e para os devidos efeitos legais e regulamentares, devem ser interpretadas como referência à E-REDES.

Para fazerem chegar a energia elétrica dos centros produtores aos seus clientes, os comercializadores utilizam a rede de transporte e a rede de distribuição, esta última operada pela E-REDES, no que se designa por “acesso à rede“.

Para tal, os comercializadores devem celebrar com a E-REDES um contrato de uso das redes que integra condições gerais aprovadas pela Entidade Reguladora do Sistema Energético (ERSE). O direito de acesso às redes pode ser também exercido por clientes que adquiram energia elétrica diretamente a produtores.

Pelo acesso às redes, os comercializadores pagam à E-REDES uma tarifa regulada, aprovada pela ERSE, tendo em conta os consumos de cada um dos seus clientes.